Quando o dilema é escolher: namorado ou amiga?


Quando o dilema é escolher: namorado ou amiga?


Ah mulheres… De fato, por vezes não dá para nos entender. Você tem uma amiga que sempre esteve ao seu lado, que te acompanha nos melhores e piores momentos, que te dá força quando você mais precisa, que é praticamente sua alma gêmea, e que acredita que nada no mundo vai separar a valiosa amizade de vocês… Até que:

Você arruma um namorado e a deixa de lado!

Eu realmente gostaria de entender o que se passa na cabeça de grande parte das mulheres, que, ao arrumar um namorado, não pensam duas vezes em abandonar o mundo e viver para ele.

  • Elas param de andar com as amigas;
  • Elas cortam amizades com os amigos;
  • Elas não saem mais sem ele;
  • Elas perdem seu estilo próprio de ser;
  • Elas se tornam parasitas, exclusivamente dependentes da aceitação do homem.
  • No fim, são outra pessoa…

Menina, para!


E como se não pudesse piorar (mas dizem que sempre pode), ela arruma um bendito namorado que não gosta da amiga dela, e pede para as duas se afastarem.

A desgraça mora justamente aqui: ela se afasta! Menina, mas como assim você vai se afastar da sua melhor amiga porque seu boy magia “ordenou”? Sim, ele te deu uma ordem e você virou capacho! Esse homem entrou na sua vida ontem… E sua amiga, bom, nem preciso comentar né?

Tá, se ele pelo menos tivesse um motivo concreto para fazer tal exigência, você até poderia conversar com a amiga e tentar modificar o tal hábito inaceitável; tentar selar um acordo de paz, sei lá… Mas acabar com a amizade? Sério?

Eu já ficaria bem chocada só com a possibilidade de imaginar você pensando em escolher: namorado ou amiga, avalie então se você decidisse ficar com ele! #ficopasmaamiga

Mas tudo bem… Ok, laços cortados. Tchau. E então um belo dia você leva aquele pé na bunda com direito a chifres e tudo o mais. Maravilha, agora vai lamentar nos ombros de quem?


Quem vai te acalentar e ouvir seu choro? Quem vai te aturar triste pelos cantos, tentando te animar? Quem vai passar horas escutando você dizer que ele é um babaca? Quem vai concordar contigo dizendo que ele não te merece? Quem vai te dar força pra seguir em frente? Quem vai ajudar a fechar a ferida que abriu aí no seu peito?


Pois é… Não sei você, mas minhas amizades verdadeiras fazem isso!

Tem mulher que não sabe medir a importância de uma verdadeira amizade. Ela se deixa levar pelo conto de fadas que parece eterno, sem perceber que “o pra sempre, sempre acaba…”. Entenda que quando você perde um homem, a probabilidade de achar outro bem parecido é enorme (até mesmo igualzinho, dependendo do tipo), mas encontrar uma outra melhor amiga como a sua… Eis uma tarefa bem árdua!

O conselho de hoje é para você que tem uma amiga de verdade (ou várias). Daquelas que são insubstituíveis. Que você confia de olhos fechados, e que sabe que nada, nada nesse mundo, é mais importante do que tê-las com você.

Nenhum homem vale um laço de amor verdadeiro desses. Repito: nenhum. Porque em um mundo de falsidade, onde tudo é efêmero, e os amores não duram o período de uma estação, a amizade verdadeira sempre deve prevalecer.

Aliás, só para constar: um homem que realmente te ama, que tem plena confiança em você, e que é absolutamente seguro e maduro a ponto de saber diferenciar as coisas, jamais te pedirá algo tão infantil.

E digo mais amiga: se você tem uma amizade assim, valorize-a! Você é uma das poucas pessoas a provar uma faceta do amor verdadeiro – e raro de encontrar!

Um beijo, sua linda! :*


Segredos da mente masculina: comece definitivamente a entender os homens, e ter melhores relacionamentos!