Como Esquecer Alguém: O Passo-a-passo Comprovado!

Como Esquecer Alguém: Método de 04 Fases


 

Como esquecer alguém que um dia foi importante para você? Afinal, é possível tirar da cabeça quem ainda mora no coração? Dá para aprender como superar o fim de um relacionamento?

Após um término de relacionamento, não importa o quanto você se esforce para esquecer essa pessoa, ela continua lá, presente nos seus pensamentos, em tudo que você faz.

Não dá para tomar banho em paz, não dá para dormir (na verdade, esse é o momento mais doloroso!), não dá nem para fazer cocô em paz!

Alguns dias você se vê mais forte, a dor parece estar passando, e aí, do nada, vem uma recaída e tudo volta com muito mais intensidade.

Eu sei que nesses momentos você pensa em desistir. Parece impossível superar o ex, e ter paz novamente.

Só quem já amou muito, e precisou aprender como esquecer alguém, sabe o quanto é difícil conseguir. E por isso, quase sempre, precisamos buscar ajuda.

O que talvez você não saiba, é que existe um motivo real, e fora do seu controle, que faz ser tão complicado esse processo de superação.

Mas, calma! Tenho uma boa notícia para te dar: É possível seguir em frente, se desapaixonar, e recuperar sua autoestima e vontade de viver.

Se você chegou a este artigo procurando saber como superar um término, então sinta-se acolhida.

Entendo a sua dor, e vou te ajudar a vencê-la através do meu processo de 04 Fases (cientificamente comprovadas).

Vou te explicar o que está te prendendo ao seu ex, e você vai sair da fossa mais rápido, e com menos sofrimento.

Também vou deixar um material gratuito exclusivo para você, que vai te ajudar a aliviar sua dor imediatamente.

Então larga esse pote de sorvete, porque chegou a hora de dar a volta por cima!

 

como-superar-o-fim-de-um-relacionamento

 

Como Esquecer Alguém: O que está te impedindo de Superar?


 

Preciso começar te explicando isso…

Acredite, não é por acaso que você não sabe como esquecer alguém e superar essa dor. Preste MUITA atenção ao que vou te dizer agora…

Você não é incapaz, burra, ou fraca… Apenas não sabe o que está acontecendo dentro do seu cérebro.

E a verdade é que ele está viciado!

Parece doido, né? Pois é, mas você leu certo… Seu cérebro está viciado no seu ex!

É justamente por isso que você não consegue esquecer, e continua tendo vários comportamentos obsessivo-compulsivos, como:

 

  • Pensar nele o tempo inteiro;
  • Enlouquecer tentando saber se ele já está com outra, ou o que anda fazendo;
  • Fiscalizar as redes sociais, stalkeando ele a todo o momento;
  • Estar sempre ansiosa, com o celular na mão;
  • Postar indiretas torcendo para chamar a atenção dele;
  • Sempre querendo à todo custo ter notícias dele (mesmo que tenha que procurar os amigos ou familiares para saber);
  • Usando desculpas para entrar em contato;
  • Tentando com todas as suas forças não ir atrás.

 

São atitudes simples, mas que parecem impossíveis de serem controladas, não é mesmo? Chega a ser enlouquecedor!

E o pior é que são mesmo obsessivas (você não sossega enquanto não faz isso), e compulsivas (você tenta se controlar, mas a vontade de fazer é mais forte).

 


Racionalmente falando, você sabe que não vai te fazer bem, que não vai adiantar em nada, mas mesmo assim você toma essas atitudes dia após dia.


 

O problema é que isso está além da razão. São impulsos inconscientes, e que não ensinam seu cérebro a como esquecer alguém.

Sempre que explico sobre esses comportamentos nas minhas aulas, as meninas se identificam imediatamente, mas não fazem ideia de que tudo isso acontece como uma reação de abstinência do cérebro.

Ou seja: Assim como um viciado em certas drogas fica desesperado quando para de utilizá-las, o seu cérebro sente falta das sensações boas de estar com seu ex.

Então, você continua (inconscientemente) encontrando formas diferentes de resgatar essas sensações boas. E quanto mais ligada à ele você permanecer, mais impossível de desapegar do ex.

Faz sentido o que estou dizendo?

Bom, só existe um jeito de controlar esses impulsos: Identificando quando eles acontecem, e substituindo por impulsos novos (e não prejudiciais).

Fica difícil explicar todos os passos em um artigo escrito, mas vou te dar uma sequência que já vai te permitir alterar esses impulsos com algumas mudanças de comportamento.

 

Como Esquecer Alguém: As 04 Fases da Superação


 

O Método que ensino para as minhas alunas é composto por 04 Fases práticas. É um processo que eu adaptei especificamente para superar o fim de relacionamento. São elas:

 

  • Fase 01: Detox Mental
  • Fase 02: Readaptação
  • Fase 03: Recuperação
  • Fase 04: Prevenção de Recaídas

 

Cada fase tem um objetivo específico, e ao segui-las corretamente, você vai saber como esquecer alguém!

Preparada? Vamos lá!

 

como-esquecer-alguém-como-superar-um-término-02

 

1. Como Esquecer Alguém: Detox Mental


 

Essa é a fase mais desafiadora, porém, a mais importante.

Nesse exato momento da sua vida, você está enfrentando um desequilíbrio emocional que precisa ser reajustado.

Sintomas como ansiedade, taquicardia (coração acelerado), suor excessivo, insônia, falta (ou excesso) de apetite, entre outros, não são benéficos para a sua saúde.

E tudo isso é causado pelo ciclo de comportamentos e pensamentos obsessivos-compulsivos, que você não consegue quebrar.

Por isso, se você quer saber como esquecer alguém, precisa começar tirando essa pessoa da sua vida.

Eu sei, é doloroso de ler. Mas é necessário.

Entenda que seu relacionamento acabou. Por mais que tenha sido incrível, acabou. Quanto antes você aceitar isso, mais rápido se dará sua recuperação.

Já falou para si mesma em voz alta? Experimente: “O meu relacionamento acabou. Fiz tudo que pude, mas agora estou solteira, e preciso seguir minha vida!”.

Saia da negação. Abandone os questionamentos do tipo: “E se tivesse sido diferente?”, “E se eu tivesse agido diferente?”, “Como ele pode fazer isso comigo…”.

O que passou, passou. Está feito. Ele tomou o que achou ser a melhor decisão para ele, e você precisa respeitar isso.

Inclusive, no futuro, esse será um dos maiores ensinamentos da sua vida (foi assim que aconteceu comigo).

 

  • DETOX NA PRÁTICA:

 

Elimine todo e qualquer gatilho que te faça pensar nele, e entrar de novo no ciclo obsessivo-compulsivo de ir atrás.

 

  • Apague o número dele do seu celular, e não adicione novamente;
  • Delete as conversas com ele. É sério!
  • Bloqueie ele das redes sociais (normalmente oriento bloquear apenas as notificações, mas se está te fazendo mal, e você é compulsiva ao extremo, melhor bloquear tudo!);
  • Pare de usar seus perfis por um tempo (a menos que trabalhe com isso).
  • Tenha um botão do pânico: Escolha uma amiga a quem você vai recorrer sempre que pensar em ir atrás dele (na vida real, ou virtual). Ela deve te acalmar no momento do impulso;
  • Apague a playlist de músicas que te fazem lembrar dele, e que te geram sentimentos de tristeza, saudade, amor, etc;
  • Não assista filmes de romance, ou comédia romântica, enquanto estiver na fase de detox;
  • Se ele frequentava sua casa, mude as coisas de lugar, troque móveis, pinte as paredes… Apague a imagem dele do seu ambiente;
  • Corte contato com amigos e familiares dele (pelo menos por enquanto);
  • Guarde todos os presentes que recebeu dele, em um lugar de difícil acesso (experimente deixar com uma amiga, por exemplo).

 

Por que esconder e não simplesmente jogar fora?

Se o seu relacionamento era saudável, e vocês foram felizes, essas são memórias importantes para você.

Estão te fazendo mal agora porque estão associadas ao sofrimento, mas não significa que sejam ruins. Um dia você associou elas a algo bom.

Sempre recomendo guardar fora do alcance, porque no futuro você poderá olhá-las e não sentir mais nada ruim, apenas felicidade pelos bons momentos vividos.

Não existe prova maior de superação do que olhar para o que te faz mal hoje, e perceber que não sente mais nada (ou, pelo menos, mais nada de ruim).

Veja bem: Estamos falando de relacionamentos que foram saudáveis, que NÃO envolvem abusos, traumas, ou algo do tipo.

E, claro, é uma recomendação. Se você não se sente bem, então livre-se delas.

 

  • S.O.S DETOX

 

Muitas meninas me respondem que “não conseguem” deletar a pessoa da vida delas. Isso é autossabotagem. Você está encontrando pretextos para não seguir em frente.

Mas, se você for dessas que sente mais dificuldade em desapegar, experimente começar aos poucos, para não ter uma recaída ainda mais forte.

Por exemplo: Hoje apaga as mensagens, amanhã esconde as recordações, depois bloqueia o número dele, com uma semana bloqueia as redes sociais… Até conseguir eliminar ele da sua vida de vez.

Esteja atenta para perceber se isso é uma dificuldade real, ou se você só está se enganando muito bem.

 

como-esquecer-alguém-como-superar-um-término-03

 

2. Como Esquecer Alguém: Readaptação


 

Ok, agora que você dificultou seu acesso à ele através do detox, é hora de fazer uma readaptação na sua vida.

Nesse momento pode parecer que você não sabe mais viver sem ele… Talvez até tenha esquecido um pouco de quem você realmente é.

Isso é absolutamente normal, principalmente se o relacionamento foi longo.

Acontece que você não nasceu grudada nele. Você tinha uma vida antes de se conhecerem, então sim, é possível viver sem ele!

A fase de readaptação é justamente para recuperarmos a sua individualidade.

É nesse ponto que você precisa sair da Disney. Isso significa parar de acreditar que ele era um príncipe encantado, único, e insubstituível.

Sim, eu sei que você repete isso.

Não duvido que (se a relação era saudável) ele tenha qualidades admiráveis, e que tenha sido um cara bom para você, mas ele não é único no planeta terra, criatura!

Saber como esquecer alguém inclui, obrigatoriamente, entender que assim como essa pessoa, existem diversas outras por aí. Que o amor não é uma chance única na vida! Você pode amar e ser amada novamente, se assim desejar!

Quase sempre apenas após um término você percebe que o cara não era assim, tão perfeito.

Isso acontece porque, quando estamos apaixonados, por vezes, projetamos na pessoa a imagem do parceiro ideal. Mas é uma imagem distorcida, onde você não ama a pessoa, você ama a imagem que criou dela.

 

  • READAPTAÇÃO NA PRÁTICA:

 

  • PARTE 01

 

Se você não consegue quebrar a imagem de príncipe encantado do seu ex, talvez você ainda esteja projetando.

Nesse caso, vou aplicar com você a minha ferramenta chamada Desconstrução do Ex, que aplico com as alunas do meu curso.

OBS.: Se quiser baixar o pdf com a ferramenta, basta clicar no link abaixo. Se não, pega aí uma folha de papel e uma caneta, e mãos à obra!

 

BAIXAR A FERRAMENTA

 

Divida sua folha ao meio, de modo que na parte de cima você possa escrever a palavra Congruências, e na parte de baixo a palavra Incongruências.

Pois bem, na parte de cima, nas Congruências, você vai escrever todas as características do seu ex, que comprovam que ele era mesmo um homem especial e único. Escreva todas as qualidades que lembrar.

Ex.: Ele era gentil, carinhoso, atencioso, educado, divertido, sempre me dava presentes inesperados, me tratava bem, não era abusivo, me respeitava, era romântico…

Ok.

Após escrever as qualidades, vá para a parte de baixo, nas Incongruências, e escreva tudo que demonstra o oposto de homem perfeito.

Coloque todos os defeitos dele, tudo que te irritava, tudo que mostra que ele não é especial. Analise: Em que ele deixou a desejar dentro da relação?

Nem vem com essa de “ele não tinha defeitos”, porque todo mundo tem. Nem que seja chulé!

Ex.: Ele era desorganizado, muito orgulhoso, deixava a toalha jogada na cama, esquecia as datas importantes, vivia mentindo, nunca me ouvia, deixava o relacionamento na rotina, implicava com minhas roupas…

Ok.

Agora, olhe para tudo que você escreveu. Veja as qualidades que você colocou, e me diga: São qualidades de outro mundo? Únicas? Exclusivas? Nenhum outro homem no mundo as tem?

Você conhece pelo menos algum outro cara que também tem algumas (ou todas) essas qualidades? Quem?

Se você for sincera, perceberá que as qualidades do seu príncipe encantado, na verdade, são qualidades comuns à muitos outros homens. E, arrisco dizer, que muito do que você chama de qualidade, não é mais que obrigação.

Ser gentil, carinhoso, e atencioso, por exemplo, não é diferencial, é obrigação. Concorda? (Pelo amor de Deus, diga que sim, ou vou começar a me preocupar!).

Isso significa que outros homens também terão, logo, seu príncipe não é único!

Agora veja os defeitos que você escreveu. Se ele tem defeitos, não pode ser considerado perfeito, né! Repito: Ninguém é perfeito!

 

  • PARTE 02:

 

Ainda como parte dessa atividade, quero que você faça mais uma lista, mas dessa vez quero que liste as suas qualidades.

Vira a folha aí e escreve tudo de melhor que você tem a oferecer dentro de um relacionamento, todas as coisas boas que fazem parte de você. Eu sei que essa lista não será pequena. 😀

Agora olhe para a sua lista de qualidades… Percebe o quanto você é incrível, e como muitos homens teriam sorte em estar ao seu lado? Pois é.

Não é o homem que tem que te escolher, menina. É você que precisa selecionar aquele que estará à altura de receber tudo isso que você tem a oferecer.

 

  • PARTE 03:

 

A fase de readaptação também envolve refazer sua vida pós-término. Isso significa analisar quais ações, comportamentos, e pensamentos devem fazer parte da sua rotina atual.

Com certeza ele ocupou espaço no seu dia-a-dia, certo? E agora que terminaram, esses espaços (antes preenchidos) se tornam vazios que trazem recordações e saudade.

Logo, precisam ser preenchidos com novas atividades.

Faça uma lista de hábitos que vocês tinham juntos, e que agora estão vagos na sua agenda.

Por exemplo: Toda noite, às 21h, ele me ligava e conversávamos até as 23h. Todo domingo à tarde, íamos para uma chácara.

Isso significa que suas noites, e suas tardes de domingo, são momentos que lembram ele.

Você precisa preencher esses momentos com atividades que sejam prazerosas para você, que tragam bem estar, assim o seu cérebro vai associar esses momentos vagos com os novos estímulos.

Pense em como fazer isso dentro da sua realidade.

 

como-esquecer-alguém-como-superar-um-término-04

 

3. Como Esquecer Alguém: Recuperação


 

Apenas seguindo os passos anteriores, você já estará criando novas conexões neurais no seu cérebro, acelerando o seu aprendizado de como esquecer alguém.

Agora entramos na terceira fase: A recuperação. É neste ponto onde você avança de um jeito incrível, se houver dedicação.

Sua mente já vem sendo trabalhada, e está pronta para entender conceitos mais aprofundados na superação do ex.

Resumindo, é nessa fase onde trabalhamos formas de você suprir suas necessidades emocionais, se manter motivada, aumentar sua autoestima, sair do processo de culpa, e entrar no processo de aprendizado.

 

  • RECUPERAÇÃO NA PRÁTICA

 

  • Identifique suas necessidades emocionais

 

Como era o seu relacionamento? Você colocava as necessidades dele antes das suas? Você não colocava limites? Você invadia a vida dele? Você se sentia insegura e ansiosa? Você se sentia culpada? Você tinha medo de perdê-lo?

Existe algo chamado co-dependência. É quando você precisa exageradamente de outra pessoa, se tornando emocionalmente dependente dela.

Falando bem por alto, esse problema surge na infância, quando a criança tem a sensação de que não foi apoiada, cuidada, validada, atendida… Ou foi julgada, abandonada, criticada…

Na maioria das vezes, essa necessidade é gerada por questões bobas, como por exemplo: Quando a criança se esforçou para fazer algo esperando um elogio, e não recebeu.

Simplificando, isso leva facilmente ao desenvolvimento de questões de autoestima e baixa autoestima, além de comportamentos prejudiciais à relação.

Então, inconscientemente, você começa a buscar um homem que possa atender essas necessidades. Amor incondicional, aceitação, reconhecimento, validação…

Se você não identificar e romper os padrões que geram essas necessidades, você continuará repetindo isso com outros relacionamentos.

A primeira coisa a fazer, é identificar esses padrões. Não dá para aprofundar aqui, mas vou deixar uma reflexão para você se autoanalisar:

Como você atende as suas necessidades?

 

  • Quando está carente, o que faz?
  • Quando precisa de atenção, o que faz?
  • Quando quer desabafar, o que faz?
  • Como você se relaciona consigo mesma?
  • Como você se trata?
  • O que faz para se sentir feliz e com bem estar?

 

Sentir que precisa de alguém para estar completa e feliz, mostra que está jogando a responsabilidade pelas suas necessidades, em outra pessoa. Isso não é saudável, e atrapalha seus relacionamentos.

Você precisa encontrar formas de atender suas necessidades sozinha. O que está ao seu alcance? Como você pode se fazer mais feliz?

E mais: Você amava ele, ou as sensações boas de ter suas necessidades atendidas, quando estava com ele?

Reflita sobre isso. E se precisar de ajuda, te convido a conhecer meu curso Saindo da Fossa.

 

  • Outros pontos importantes:

 

  • O que você pode fazer para aumentar sua autoestima e confiança?
  • Experimente cuidar do seu corpo com atividades físicas, até mesmo uma mudança no visual (estude sobre consultoria de imagem e estilo);
  • Experimente cuidar da sua mente: leia, assista, faça cursos de conteúdos que te enriqueçam como pessoa, e te ajudem a se desenvolver ainda mais;
  • Tire um tempo para você se curtir sozinha, passear, meditar, viajar;
  • Aprenda algo novo!
  • Conheça novas pessoas, nem que seja para treinar suas habilidades de comunicação.

 

Fortaleça sua mente. Ela é a responsável por facilitar ou dificultar o seu processo de como esquecer alguém. Use-a em seu favor, não contra você.

 

como-esquecer-alguém-como-superar-um-término-05

 

4. Como Esquecer Alguém: Prevenção de Recaídas


 

Se você aplicar as dicas anteriores, então já estará arrumando a bagunça na sua mente e no seu coração…

Tudo voltará a estar em ordem, e se você mantiver uma frequência constante, sem desistir nos primeiros 5 dias, você vai esquecer seu ex!

Massss, acompanho casos desde 2014, então tenho experiência suficiente para saber que o problema que impede a consistência dos hábitos, são as recaídas. Elas ferram com tudo!

Pensando nisso, você precisa ter em mente que as recaídas existem, e vão surgir no seu caminho. A questão é: Como você vai lidar com elas?

A maioria das mulheres não consegue superar porque acha que, uma vez que decidirem superar, e estejam se sentindo bem, não voltarão para o fundo do poço. Então elas relaxam.

E aqui mora o problema minha amiga, porque elas são pegas de surpresa. Um dia, fortes como rocha. Tudo resolvido. Ex? Que ex?

No dia seguinte, uma foto dele no feed de um amigo, com a nova namorada. Pronto, o mundo desaba novamente!

Mas você, que é inteligente e está lendo este artigo, sairá daqui preparada para lidar com os contratempos.

 

  • PREVENÇÃO NA PRÁTICA

 

Tenha em mente tudo que pode funcionar como um gatilho para você. Qualquer coisa que pode ativar o desejo de ir atrás, de pensar nele, ou mesmo te fazer ficar triste.

Você precisa saber o que pode ser um gatilho, e como fugir dele para não ter uma recaída, entende?

Por exemplo: Você bloqueou ele, mas vocês têm um amigo em comum que sempre te dá notícias dele. Falar com esse amigo pode ser um gatilho para você ir atrás do ex.

Prevenção: Falar para esse amigo que vai bloqueá-lo por alguns dias, pois é importante para seu processo de superação não ter nenhuma notícia do ex.

 

  • Outros pontos comuns que podem ser gatilhos:

 

Músicas: Tenha sua playlist de músicas que te deixam bem, que elevam sua autoestima. De preferência músicas dançantes. Músicas românticas sempre são gatilhos.

Livros, filmes, séries: Fuja dos estilos de romance. Exclua da sua playlist os filmes que viu com ele, ou que sabe que ele gosta.

Lugares: Passe um tempo sem frequentar os ambientes que vocês iam. Pelo menos nesse ponto a quarentena ajuda, né…

Pensamentos: Tempo livre faz você parar e pensar no ex? Então mantenha-se ocupada! Você pode, inclusive, manter um diário para registrar esses pensamentos. É uma forma de colocá-los para fora e desabafar.

Situações: E se você encontrar ele por aí? E se souber que ele está saindo com alguém? E se encontrar ele com outra? Você vai ficar mal… Tenha em mente atividades que pode fazer para recuperar seu equilíbrio nesse momento.

Comida/Bebida: Fuja dos pedidos que você sempre fazia quando estava com ele.

Perfumes/Roupas/Acessórios: Não use por um tempo.

Botão do pânico: Já falei dele. Tenha uma amiga para te ouvir e impedir de fazer besteira. Também pode ser algo que vai te dar paz imediatamente. Por exemplo: Uma música, um áudio de autohipnose, uma meditação guiada.

Veja bem, é realmente fiscalizar o máximo possível de gatilhos que possam acontecer, para estar um passo à frente deles.

Óbvio que podem haver gatilhos inesperados, ou que você não consiga reagir como pretendia… Mas alinhar isso te dá muito mais vantagem, e ajuda a não cair nas armadilhas da sua mente.

 

como-esquecer-alguém-como-superar-um-término-06

 

BÔNUS: Como Esquecer Alguém aliviando Emoções


 

Quando falamos em como esquecer alguém, a parte de conter os impulsos e controlar as emoções são as mais complicadas, né?

A mente nos enlouquece o tempo todo com pensamentos dos mais diversos, e que são difíceis de silenciar!

E se você prestar atenção, nunca são pensamentos bons, que te dão força, que te dizem que vai dar tudo certo… São pensamentos ruins, que te colocam pra baixo, que te causam dor, e te fazem se sentir a pior das criaturas.

Quase sempre são pensamentos de culpa, ou de impulso. Enquanto você não faz o que esse pensamento manda, ele não te dá paz. E quando você faz, não demora muito e ele volta.

É um verdadeiro inferno!

E isso gera medo, ansiedade, culpa, frustração, tristeza… Uma série de emoções que só te afundam cada vez mais.

Pensando nisso, vou deixar aqui abaixo o link para você fazer o download do Kit de Resgate Emocional. Vai te ajudar a ter alívio imediato dessas emoções ruins.

 

BAIXAR O KIT DE RESGATE EMOCIONAL

 

No kit você também vai poder entender melhor sobre a co-dependência, e como se livrar dela.

 

Como Esquecer Alguém? Você nunca vai esquecer seu ex!


 

De fato, esquecer não vai. Não dá para apagar alguém da memória (a menos que você tenha um dano cerebral muito específico, e não te desejo isso!).

Você não vai esquecer ele, mas vai superar!

Superar significa olhar para trás, lembrar de tudo que viveram, e não sentir mais dor. Isso é libertador, e eu quero que você sinta!

É impossível você aplicar direitinho todas as dicas anteriores, e não se livrar do fantasma do seu ex!

E afirmo isso porque eu já estive no seu lugar, e saí da fossa seguindo exatamente esses passos, que são comprovados cientificamente.

A dor do coração partido é real. Você não pensa em mais nada, não sente mais nada, não se preocupa com nada, nem sente vontade de fazer nada…

Mas a capacidade de sair desse estado também é real, e só depende de você!

Se você acha que não consegue enfrentar isso sozinha, te convido a conhecer meu curso Saindo da Fossa. Lá dentro você encontra as estratégias completas para superar seu ex em 21 dias.

São atividades diárias de coaching e hipnose, que vão agir nas suas emoções mais profundas, trazendo a libertação emocional que você precisa.

Não se preocupe, ninguém vai invadir sua mente, dominar seu cérebro, ou nada do tipo. 😀

Poucas pessoas realmente conhecem o poder da Hipnose como terapia, e do Processo de Coaching.

Te convido a saber mais vendo os depoimentos das nossas alunas. É só clicar nesse link: Saindo da Fossa: Como Superar o Ex em 21 Dias!

Não é sobre cair, é sobre quanto tempo você vai permanecer no chão. E eu desejo que você se levante logo!

Aproveite e continue lendo:

 

Um beijo, sua linda. Fica bem! :*

 

como-superar-o-fim-de-um-relacionamento

Compartilha aí com as amigas:
2020-07-31T23:38:25-03:00

Sobre a Autora:

Mentora de Mulheres. Publicitária. Especialista em Comunicação Estratégica para Relacionamentos, Autossabotagem, e Inteligência Emocional. Instagram: @talithaalencar