A regra da negociação no amor

a-regra-da-negociacao-no-amor-relacionamento

A regra da negociação no amor


Você não sabia que também no amor deve haver negociação? Pois bem, fique confortável e acompanhe o que vou te passar agora (e principalmente: use!).


Quando duas pessoas fazem uma negociação, supomos que ambas procuram entrar em um acordo, correto? Esta é a base da regra da negociação: propor um acordo pacífico que beneficie ambos.


Defendo a todo custo que tudo entre um casal, possa e deva ser resolvido inicialmente com uma conversa civilizada – principalmente se falamos sobre casamento. A lição de hoje é para você amiga descontrolada, que parte para a agressão verbal/física quando quer alguma coisa, faz pirraça, usa vingancinha, e todas as demais artimanhas femininas que as mulheres costumam usar para conseguirem o que querem – da forma errada (já alerto).


Não há nada que um homem apaixonado não faça por você. NADA! Já expliquei que não adianta bater boca com homem, pois eles nos desligam nos primeiros 10 segundos de conversa. Porém, há algumas exceções em que precisaremos usar o dom da palavra para lidar com os anjinhos, e entre outras técnicas, podemos fazer uso da negociação!


Amiga você é boa negociante? Então sugiro que treine bastante esta habilidade. Vejamos uma situação:


Você está cansada, exausta, e gostaria muito que ele colocasse as crianças para dormir. Se você já vivenciou algo parecido, sabe que exigir, reclamar, discutir não adianta. E muitas vezes ainda o faz voltar da porta de casa para o bar mais próximo para conseguir ter sossego. O que fazer? Negociar. Falar com aquele jeitinho feminino irresistível e oferecer alguma coisa que seja lucrativa para ele em troca do “favorzinho”.

Exemplo: “Amor, estou exausta. Se você colocar as crianças para dormir, prometo que amanhã te faço uma massagem relaxante com tudo que você tem direito”. Amiga, pisque o olho e estas crianças já estarão no terceiro sono.


Outra situação: Você adora ver romance, e ele detesta. Como fazê-lo te levar ao cinema para ver ‘A culpa é das estrelas’, sem discutir? Negocie! Faça uma troca: ele assiste romance, e você acompanha ele em outra sessão de ação. Ou ofereça em troca algo que seja impossível dele recusar (não necessariamente precisa ser sexo sua safadinha).


Está entendendo a lógica? Pode ser visto como artimanha, mas é apenas uma forma pacífica de se resolver algo, onde ambos saem ganhando e não há desgaste com discussões. O que uma mulher quer, que ela não consegue com jeitinho né! haha’. Pegue a “manha da coisa”, isso vale para outras áreas da vida também – caso ainda não use.


Palavra de homem (Steve Harvey): 


“Garanto que conversas e acordos de trocas funcionam como mágica, mas apenas se você estiver disposta a ter uma conversa civilizada com seu parceiro, deixando que ele saiba exatamente o que você deseja. Você não pode esperar que ele adivinhe, que chegue em casa e, antes mesmo de desfazer o nó da gravata, perceba que você passou a tarde inteira com as crianças, encheu a máquina de lavar duas vezes, e gostaria de ter – não, você realmente precisa -, um tempo para si mesma. Converse com ele, diga-lhe que está disposta a dar algo em troca, faça um acordo e depois aproveite os frutos do seu trabalho.


Sabemos que a maioria de vocês não quer fazer sexo todas as noites e que os papeis que desempenham ao longo do dia as desgastam. Vocês sabem que não gostamos de trocar fraldas, lavar louça ou ler histórias à noite. Mas nas uniões mais bem-sucedidas, os parceiros se dispõem a mudar e fazer coisas que não querem para o bem da relação.


Para algumas de vocês, negociar é fácil. Mas algumas não são conhecidas pela sutileza. Comece a conversa sem colocar seu homem na defensiva. Nenhum homem vai querer conversar e negociar se achar que vai ser atacado. Por isso fique calma, tranquila, prepare-se para aceitar o que ele disser sem agredi-lo.


O que quer que ele tenha a dizer, ouça com atenção. Então, surpreenda-o: diga-lhe que concorda com o que disse e que está disposta a lhe dar tudo isso desde que ele concorde em fazer algumas coisas. Ele lhe dará toda a atenção que deseja, pois estará farejando a “recompensa”. Então você poderá pedir tudo que quiser.”


Fácil né? Vamos usar a negociação?
#PorUmMundoComMaisNegociaçãoeMenosDiscussão
Beijo :*


Compartilha aí com as amigas:
2020-07-29T16:26:51-03:00

Sobre a Autora:

Mentora de Mulheres. Publicitária. Especialista em Relacionamentos, Inteligência Emocional, e Comunicação Assertiva. Instagram: @talithaalencar